Termina o retiro espiritual para o Papa e a Cúria Romana


25/02/2018 - 14:28
Antes de retornar ao Vaticano, Francisco agradeceu ao padre português que realizou as pregações nesses cinco dias de retiro

Terminou nesta sexta-feira, 23, os exercícios espirituais, o tradicional retiro para o Papa e a Cúria Romana neste tempo quaresmal. Eles estavam reunidos na Casa Divino Mestre, em Ariccia, cidade próximo a Roma, desde o último domingo, 18, em momentos de oração e reflexão conduzidos pelo padre José Tolentino de Mendonça, vice-reitor da Universidade Católica de Lisboa e consultor do Pontifício Conselho da Cultura.

“Gostaria de agradecer, em nome de todos, por este acompanhamento nestes dias, que hoje se prolongarão com o dia de jejum e oração pelo Sudão do Sul, o Congo e também a Síria”, disse o Santo Padre em agradecimento ao padre Tolentino.

Francisco agradeceu pelas reflexões que falaram da Igreja e fizeram os participantes sentir a Igreja, advertindo-os a não diminuir este pequeno rebanho às mundanidades burocráticas. No retiro, também recordou-se que a Igreja não é uma gaiola para o Espírito Santo, que voa e trabalha também fora. “Com as citações e as coisas que o senhor nos disse, nos fez ver como trabalha nos não crentes, nos ‘pagãos’, nas pessoas de outras confissões religiosas: é universal, é o Espírito de Deus, que é para todos”, disse.

“Obrigado, padre. E continue a rezar por nós. Como dizia a mãe superiora às irmãs: ‘Somos homens!’, pecadores, todos. Obrigado, padre. E que o Senhor o abençoe”, concluiu Francisco.

Com o fim do retiro, o Santo Padre retorna ao Vaticano e retoma sua agenda de compromissos, que estavam suspensos desde domingo passado.



Ultimas Matérias
Diocese ganha mais um padre com a ordenação sacerdotal do Diácono Murilo
Papa: “Deus não descarta ninguém; para Ele, ninguém é irrecuperável!”
Papa destaca atitudes necessárias para viver bem o Advento
Diácono Murilo será ordenado sacerdote no dia 07/12
Saiba um pouco mais sobre a Coroa do Advento
Veja Mais